19/05/2021 - Novo decreto traz alternativa ao lockdown total em Luz

Cidade pode funcionar de segunda a sexta, das 6 às 18h

O Comitê Municipal de Enfrentamento e Monitoramento da Covid-19, em reunião extraordinária, na última segunda-feira (17), decidiu por não instituir, ainda, lockdown total em Luz. Apesar dos números de infectados estarem mais altos nestas últimas duas semanas, ficou acordado entre o Poder Público e associações, empresários e representantes da sociedade civil que todos deverão se esforçar para conscientizar o povo luzense da urgente necessidade de colaboração de cada cidadão na luta contra o coronavírus, crescente pela cidade.

“Na reunião, acertamos com seguimentos importantes da sociedade que todos lutarão para baixar os números, sem que seja preciso aplicarmos esse remédio mais amargo, chamado lockdown total. Por ora, vamos manter a cidade funcionando, dentro das regras de distanciamento social, das 6 até as 18h. Fecharemos aos sábados e domingos, por completo, ficando ativos os serviços de delivery das chamadas atividades essenciais”, explicou Agostinho.

O prefeito pediu, de forma direta, que a população não se desligue dos cuidados básicos contra a transmissão do vírus, como uso correto de máscara no rosto, tampando o nariz e a boca, por completo. Também o uso de álcool em gel e higienização constante das mãos com sabão foram lembrados por Agostinho, em sua live oficial na noite de segunda-feira, 17/5.

Durante a entrevista, o prefeito falou sobre o novo decreto 3078/2021. A partir de agora, você lê as principais regras, em vigor deste a última terça-feira (18/5):

Caminhadas e exercícios físicos em vias públicas
De segunda a sexta, das 6h às 18h, ficam permitidas as caminhadas e os exercícios físicos em vias públicas, com OBRIGATORIEDADE do uso de máscara, DE FORMA INDIVIDUAL e com distanciamento entre as pessoas. As atividades coletivas seguirão proibidas e as caminhadas devem ser realizadas sem provocar aglomeração.

Serviço de Delivery
As atividades de lanchonetes, hamburguerias, fast-food, restaurantes, bares e congêneres, poderão funcionar, de segunda a sexta, com atendimento presencial, das 6 às 18h, observados os protocolos anteriormente exigidos em decreto. E com entrega em domicílio (delivery), das 18h às 23h, de segunda a sexta. Já aos sábados e domingos, delivery permitido das 6h às 23h.
O mesmo se aplica às atividades e serviços considerados essenciais, cujo funcionamento não esteja suspenso por norma federal, estadual ou municipal.

Missas e cultos
Em relação às igrejas e templos religiosos, para celebrações de missas e cultos, ficou definido que as celebrações com a presença de fiéis poderão ser realizadas, seguindo todas as regras sanitárias e com observância da capacidade máxima de 25% do espaço, somente de segunda a sexta, das 6 às 18h - como opção de transmissões virtuais das celebrações pelas redes sociais.
Aos sábados e domingos, somente por transmissão online, sem a presença de fiéis.

Academias
Autorizadas a manter suas atividades, somente de segunda a sexta, das 6 às 18h, de forma individual, com uma série de restrições, como uso obrigatório de máscara, higienização com álcool em gel, com controle do número de alunos por horário, seguindo agendamento dos alunos para as atividades. Atividades físicas coletivas seguem não autorizadas.

Salões de Beleza, Barbearias, Clínicas de Estética, Manicures e Estúdios de Tatuagens
Também foram autorizados a funcionar, mas somente de segunda a sexta, das 6 às 18h, com atendimento por horário agendado, respeitando intervalo mínimo de 10 minutos entre os clientes para higienização e desinfecção dos mobiliários, dos equipamentos e das mãos dos colaboradores.

Lojas
Os estabelecimentos ficaram autorizados ao atendimento presencial, somente de segunda a sexta, das 6 às 18h, limitados ao atendimento de uma pessoa por cada 20m2 (vinte metros quadrados). Fica obrigatória a disponibilização de álcool em gel 70% para aspersão nas mãos dos clientes na entrada do estabelecimento e caixas, bem como o uso obrigatório de máscara facial cobrindo completamente a boca e o nariz para adentrar no local. Sábado e domingo as lojas se manterão fechadas, sendo proibido atendimentos, nem mesmo por delivery.

Disk Denúncia do Comércio
Lembramos que, em sua proposta anterior de flexibilização, a ACIL/Luz sugeriu a criação de um Disk Denúncia do Comércio que, em caso de qualquer irregularidade verificada, que seja denunciada pelo WhatsApp (37) 99914.9204 (Rosângela Rodrigues Amorim) ou (37) 9.9104.2222 (Lelton Santos Nogueira) para que eles entrem em contato com o denunciado, buscando sanar administrativamente as possíveis irregularidades apontadas. Sanções poderão ser aplicadas, como fechamento da empresa denunciada e até mesmo a cassação do alvará do estabelecimento denunciado.

Disque Denúncia Covid-19
Festas, aglomerações e descumprimentos das normas de segurança contra o coronavírus em Luz também podem ser denunciados pelos cidadãos por meio do DISQUE-DENÚNCIA COVID-19, pelo número (37) 9.9979.5177.

NOTA FISCAL ELETRÔNICA
SERVIÇOS ONLINE
REDES SOCIAIS
RECEBA NOVIDADES DA PREFEITURA
Insira seus dados abaixo para receber informativos sobre o que acontece em nossa Gestão:
Prefeitura Municipal de Luz
Av. Laerton Paulinelli, 153
Monsenhor Parreiras - 35595-000 - Luz/MG
Todo material publicado neste website poderá ser distribuído
gratuitamente perante notificação prévia no e-mail:
comunicacao@luz.mg.gov.br
Administração 2021-2024
Desenvolvimento: iSoluçõesWEB