12/03/2018 - Setor de Endemias da Secretaria de Saúde, prevê a castração de 500 cães e gatos em Luz
A superpopulação de cães e gatos é um problema que afeta a maioria das cidades, em maior ou menor grau.
 
A equação é simples: existem mais animais do que lares para acolhê-los.
 
Em busca de uma solução rápida para evitar a transmissão de zoonoses, a Prefeitura de Luz através do Setor de Endemias da Secretaria de Saúde, está promovendo a campanha de castração gratuita dos animais, essa segunda fase do projeto contempla animais que tem proprietários.
A idéia do projeto surgiu há mais de dois anos, com campanhas de conscientização da população sobre maus tratos e abandonos de animais.

Para o desenvolvimento do projeto, foi necessário inicialmente buscar informações sobre as zoonoses de mais incidência relacionadas a cães e gatos no município de Luz, forma de transmissão e prevenção.

“Buscamos essas informações através de entrevistas com veterinários.No inicio do projeto imaginamos que não seria tão difícil desenvolvê-lo, agora tendo uma visão mais ampla sobre o assunto, observamos que as dificuldades são muitas, mas a maior delas é o grande número de abandonos diariamente em nosso município. ” Salientou a chefe do Setor de Endemias, Fabiana Costa.

A população ainda encontra dificuldades em entender a importância de não abandonar e a necessidade de castrar seus animais, visando a prevenção de zoonoses, a forma de transmissão e a relação com meio ambiente.

No desempenho do projeto aprendemos a trabalhar com as peculiaridades de diferentes pessoas e, que a colaboração de todos é essencial.

Além disso, um grande diferencial foi a oportunidade de trabalhar com crianças, através da comunicação, o que exige não somente conhecimento teórico, mas criatividade para interligar com conteúdo teóricos, através de gravuras, abordando assuntos relacionados ao meio onde vivem.

A certeza dos envolvidos no projeto é que ele contribuirá para a Saúde e bem-estar da população e dos animais.

 
Os animais abandonados do município de Luz ocasionam muitos problemas, pois  eles se concentram nas áreas urbanas e em busca de sobrevivência, reviram o lixo residencial a procura de alimento, provocam acidentes, causando transtornos aos moradores e poluindo o meio ambiente.
 
Os animais abandonados e mau tratados causam uma imagem negativa na cidade e muita tristeza para população.

O recurso financeiro repassado para os municípios destinados aos animais, é uma fonte incapaz de manter em abrigos, dentro de canil, os animais que são tirados das ruas, pelo alto custo de despesa com alimentação e medicamentos.
 
Por isso todas as castrações são custeadas com recursos próprios do município e a ONG APASFAL de Luz auxilia o projeto com medicamentos, ração e cuidados no dia a dia.
 
O objetivo do projeto é promover o bem-estar da sociedade e dos animais, através da prevenção das zoonoses transmitidas pelos animais.

Na primeira etapa do projeto foram castrados quase 300 animais de rua.


Nesta segunda etapa, foi usado o Castramóvel e contou novamente com a parceria da APASFAL e o Ministério Público de Minas Gerais e o objetivo é castrar 500 animais ao longo de 2018, em 5 fases distintas, somente na primeira fase do Castramóvel, foram castrados 110 animais, nos meses de janeiro e fevereiro de 2018. A segunda fase será de 2 a 7 abril, onde serão castrados 125 animais, previamente cadastrados.
 
Prefeitura de Luz - Sua Saude, Nosso Investimento
PREVISÃO DO TEMPO
NOTA FISCAL ELETRÔNICA
SERVIÇOS ONLINE
REDES SOCIAIS
RECEBA NOVIDADES DA PREFEITURA
Insira seus dados abaixo para receber informativos sobre o que acontece em nossa Gestão:
Prefeitura Municipal de Luz
Av. Laerton Paulinelli, 153
Monsenhor Parreiras - 35595-000 - Luz/MG
Todo material publicado neste website poderá ser distribuído
gratuitamente perante notificação prévia no e-mail:
comunicacao@luz.mg.gov.br
Administração 2017-2020
Desenvolvimento: iSoluçõesWEB